Cavalo de Guerra - Michael Morpurgo


Título original: War Horse
Editora: WMF Martins Fontes
Páginas: 184
Avaliação: ♥♥♥♥
Onde comprar: SaraivaFnacRicardo Eletro

Sinopse: A História Que Inspirou o Filme de Steven Spielberg. Em 1914, com a eclosão da Primeira Guerra Mundial, Joey, um belo Cavalo de pelo avermelhado e uma cruz branca na fronte, é vendido para o Exército inglês e enviado para frentes de batalha na França. Lá, o destemido Cavalo enfrenta o inimigo e vê de perto o horror das violentas batalhas. Mesmo em meio à desolação das trincheiras, a coragem e a determinação de Joey sensibilizam os soldados do front e ele consegue encontrar consolo e esperança. Seu coração, contudo, sofre com a saudade que sente do jovem Albert, que ele foi obrigado a abandonar... Será que ele nunca mais voltará a ver seu verdadeiro dono e amigo?



Como esta é a primeira resenha literária que faço, resolvi trazer para vocês um livro que batalhei muito comprá-lo, Cavalo de Guerra. Uma linda história de amizade, lealdade e coragem, escrita por Michael Morpurgo. Um autor inglês que possui em seu currículo vários poemas, criações dramatúrgicas e romances, mas sua fama veio com contos infantis. 
O livro conta a história de um cavalo chamado Joey, e o seu melhor amigo, Albert, que é um adolescente que cuida do aniamal com muito carinho e dedicação, ligados por uma grande amizade, os dois são separados pelo pai de Albert, que vende Joey para o exército do Reino Unido, para ir aos campos de batalha da Primeira Grande Guerra Mundial, e a partir daí, o cavalo vive grandes aventuras e está exposto aos diversos perigos. 
A obra é toda contada na visão do cavalo, o personagem principal. Este foi um dos elementos que mais me fascinou, além das passagens que Joey faz à medida que a guerra vai avançando. A dor, a saudade e principalmente, a esperanças não sumiram de si. O livro é um pouco dramático em algumas partes, o que  me fez chorar. Parece frescura, mas é a verdade! Quando imagino aquela cena representada no filme... Nossa! Fico até sem palavras, é doloroso. 
Nunca tive uma leitura tão tranquila como esta, pois além de ser um livro que eu desejava a um bom tempo, ele é pequeno, mas com um enredo inesquecível. Joey e Albert, realmente me conquistaram com a coragem que carregam, e o forte laço de amizade que os une. Os seus caminhos se cruzam novamente, causando grandes emoções!
Como vocês já devem ter percebido, Cavalo de Guerra foi adaptado para o cinema, e o diretor do longa não é nada mais, nada menos do que o honorável Steven Spielberg! Esse mesmo! O ganhador de vários Oscars e Globos de Ouro. O filme que possui como Jeremy Irvine representando Albert, é tão bom quanto o livro, mas possui muito mais emoção e aventura! Um espetáculo cinematográfico, que simplesmente me conquistou. Mas é claro que o Michael Morpurgo também estava ajudando Steven na direção do filme. Uma obra tão preciosa como Cavalo de Guerra, que já tornou peça teatral da Broadway, merece uma grande produção. Eu já fiz uma resenha deste filme no blog Livros e Rabiscos, do qual sou colunista. Vejam a resenha: http://www.livroserabiscos.com/2012/05/sessao-pipoca-1-cavalo-de-guerra.html

Separados pela guerra
Testados pela batalha
Ligados pela amizade

Confiram o trailer do filme:


Espero que tenham gostado da resenha, e considerem Cavalo de Guerra como uma indicação literária que tenho certeza que irão gostar.
Até a próxima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário